somos todos atores?

março 1, 2008 § 2 Comentários

fotos do site UOL


histórias pra contar
: isto basta para um filme. seja de ficção ou documentário. melhor ainda quando isto parece se confundir. e ainda mais: quando teve esta pretensão. Jogos de cena. Título do filme, com pré-estréia hj à noite em Porto Alegre, e que eu tive o privilégio de assistir esta manhã (11h – glub!), nas sessões oferecidas aos professores no projeto Clube do Professor, do Unibanco (Viva!).

Jogos de Cena (em cartaz no eixo Rio-SP desde novembro – pode?) é do respeitado documentarista Eduardo Coutinho e discute a questão da representação. o olhar é feminino.
alterna os depoimentos de mulheres comuns, anônimas e, depois, atrizes famosas interpretam de forma particular aqueles momentos marcantes. o filme vai revelando as nuances entre a verdade a ficção, como quer o diretor, ainda que seja um tanto repetitivo.
porque elas confundem a gente. saí do filme sem saber quem era atriz e quem era a dona da história de uma delas.
faz refletir…
Afinal, somos todos atores?
até que ponto o ser humano cria um personagem em frente a uma câmera? (e é só diante de uma câmera?) ou mantém máscaras? Ou cria coisas, momentos, detalhes?
porque quando a gente fala do passado e conta uma história, possivelmente esquece de alguma coisa e inventa um ponto, um pouco. ou não?
qual é o nível da encenação?
tem também as atrizes falando da sua vida real e como isso se mistura naquele momento de interpretar essas mulheres. jogando um jogo?
e o que fez as mulheres atraídas pelo anúncio estarem lá para darem seus depoimentos: desabafo, solidão, narcisismo, altruísmo…
personagens reais desandam a falar coisas (normalmente tristes) da própria vida (eita que essas mulheres brasileiras são sofridas, mal-informadas, camélias…).

de qualquer forma emociona pelas cenas de vida. pelo menos a mim.
pela riqueza de histórias, com as quais cada um de nós pode ou não se identificar, se projetar. ter medo do futuro. lembrar de algo.
achei sensível.
de verdade não foi apenas “a filmagem”, como afirma Coutinho, nas entrevistas que a gente pode ler online.
verdadeiro é o que cada um pode levar do filme. é a sensibilidade daquelas “edições” de vida e personagens. é a canção de ninar e a relação entre mães e filhos.
verdadeira é a atitude de quem está diante e atrás das câmeras. absolutamente.

Jogo de Cena
(Brasil, 103′) – veja o trailler aqui
Direção: Eduardo Coutinho
Elenco: Andréa Beltrão, Marília Pêra, Fernanda Torres.

Anúncios

Marcado:, ,

§ 2 Respostas para somos todos atores?

  • ana b. disse:

    poutz Dani! Como eu pude passar tanto tempo sem vir aqui? Tem tanta coisa legal no blog que eu nem sei sobre o que falar primeiro!
    Bah, o filme. Fiquei encantada com o trailer e morrendo de vontade de assistir. Mas cadê cinemas em SM? E se tem cinema, cadê lançamentos? Enfim…
    E BAires hein? Amo, amo. Costumo dizer que sou uma brasileira com alma porteña, argentina por completo. Tuas fotos no Flickr estão incríveis, as legendas parecem poesia. Amei. Não vejo a hora de voltar.. :(
    Bj Dani, nos vemos.

  • Dani(Ela) Hinerasky disse:

    oi aninha!
    que prazer te ter aqui de novo. afinal, se está online, é pq queremos compartilhar. =)
    venha sempre sim. é bom ouvir as impressões dos amigos, colegas, alunos.
    se ainda o cinema nao voltou em santa maira (mas vai, né?) dá pra pensar no documentário para os cine-clubes!!!
    e Buenos Aires! ah, sempre bons ares, mesmo. ainda mais agora, com o ótimo câmbio.
    faz um cofrinho e aproveita!
    bju.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento somos todos atores? no Retalhos.

Meta

%d blogueiros gostam disto: