Chanel

julho 8, 2011 § 3 Comentários

Estou em Paris para fazer parte da minha pesquisa sobre blogs de street-style. Conhecer os bastidores e os blogueiros é meu trabalho, portanto. Por isso acabei indo até a porta de alguns desfiles da “Semaine de Mode Haute Couture Automne Hiver 2011/12”.
Chanel era nesta terça-feira à noite (22h), no Grand Palais.
Eu não tinha credenciamento, nem convite. Mas quem tem “jeitinho brasileiro”, educação francesa e (muita)coragem, chega em qualquer lugar. Afinal, era Chanel e eu tinha que tentar.
.

Ah, Chanel é o imaginário absoluto da moda. É a mais clássica, a mais elegante e a mais cobiçada das marcas. Eu já disse aqui alguns dos motivos porquê eu amo Chanel. E agora tenho mais mil deles “à dire”.

Não podia conter meus sorrisos quando entrei naquele espaço soturno inteirinho de purpurina (que grudava nos pés e roupa) transformado em Place Vendôme (uma das mais luxuosas daqui) por luzes. LIN-DO.
Virei “à gauche” e dei de cara com holofotes mil, drinks, Mario Testino e Anna Wintour.
Não, eu não tava sonhando.

Queria poder compartilhar um tantinho das minhas sensações.
De repente, a história da moda diante de mim. Sim, porque a coleção “Les Allures de Chanel HC” tinha modelos luxuosos, com referências a diferentes estilos e épocas, que começaram lá nos casaquetos e tailleurs de Tweed, chegando a vestidos bordadíssimos, drapeados, ora ajustadamente belos, ora com a silhueta tubular e cortes mais retos…Lin-dos esses à la anos 20′, bem DNA Gabrielle.
Mas são os chapéus (meus preferidos) e as botas, várias com material em tela (tem que ver), os acessórios que completam, a meu ver, a mulher Chanel.

Foi como um resumão da marca, bem traduzido por Karl no título tema da coleção – os estilos de Chanel -, que só faz manter algo já consagrado.

Certamente, qualquer crítica que houvesse à coleção seria subtraída da minha emoção: a ambiência, a música, o coquetel em P&B, as pessos comuns, as incomuns, as pessoas que eu conheci – Mlle Ana Garmendia! -, minhas memórias em HD, minhas memórias de coração.

E o que dizer de ver Karl Lagerfeld, Milla Jojovich, Elle Fanning e dezenas de modelos e atrizes francesas, fora as outras celebrities, assim de pertinho? Pena que eu não cruzei com minha ídala-irmã-gêmea Diane Krüger, nem com Alexa Chung (prêt-à-porter, me aguarde!)

Como eu já disse em outra ocasião, repito:
Desculpa, mas eu nasci pra ser embaixatriz da Chanel. Alguém avisa?

beijones,
@hinerasky


Mais fotos e videos do desfile aqui no flickr

Anúncios

Marcado:, , , , , , , , , , ,

§ 3 Respostas para Chanel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Chanel no Retalhos.

Meta

%d blogueiros gostam disto: