nós ainda temos Paris

fevereiro 17, 2010 § Deixe um comentário

e o Monsier Google.
ainda bem, né. ♥
.
.

Paris: retalhos de rua

outubro 26, 2009 § 3 Comentários

Olha só este projeto chamado Paris Street View, do fotógrafo Michael Wolf. Pelo mapa das ruas da cidade, no Google, ele fez suas próprias imagens, seus próprios enquadramentos. Delícia, né?

61_010_026_0

via Kato78

sorria. você está sendo “googado”

julho 11, 2007 § Deixe um comentário


É isso aí.
Sorria e aceite. Você não está só sendo filmado por aí, nas lojas, repartições e espaços públicos (talvez a onda da fiscalização cidadã pegue até nas ruas!), você está sendo “fisgado” na rede – a internet -, caindo no Google.
Do que estou falando?
Ora, já experimentou colocar o seu nome ou de algum amigo entre aspas no www.google.com.br, né?
Vai saber ao que me refiro!
Há semanas atrás, preparando meu módulo para a Pós em Comunicação e Projetos de Mídia, li um artigo sobre isso no Webinsider que me fez refletir a respeito da “existência” pública que a internet delimita a cada um de nós. E tudo acontece à nossa revelia.
Ou seja, somos pessoas públicas e fica claro que se diluem as diferençam entre vida pessoal e profissional.
“Tudo” é oferecido ao “searcher“.
Aquilo de bom ou de ruim – que fizemos ou dissemos -; e que de alguma forma já foi registrado e já está online.
Outra preocupação nossa ainda devem ser os possíveis homônimos!
Aff!!!
Confira se eles já não queimaram seu filme. Ha! A publicitária Cristina Soares também chama atenção para o fato de que até nossos comentários em blogs alheios são rastreados.
Nossa!
É mesmo importante começar reavaliar posturas ou deixar de se levar por polêmicas. Opiniões mudam, não é mesmo? E já pensou se há palavrões?
Por enquanto, passei no teste!

Mas não há nenhuma graça mesmo nisso.
Te emociona estas aparições, este palco virtual? Ficando famosinho, é?
Pode ser…
De um lado, difunde a produção, de conhecimento (a científica – as pesquisas realizadas), por exemplo. Informação também. Também vamos no Google para “investigar” (haha!!!)

Mas se você era daqueles mais reservados… babaus!
Tomar cuidado em certas escolhas, incluindo comunidades no orkut, é o que os especialistas aconselham. E nos nossos posts e comentários por aí nos blogs, né?
Pense nos seus futuros avaliadores e processos de seleção,…, ah, os profissionais de RH usam o Google.
Realmente, estamos googados. e…

Se o Google chegará a ser “aquele que tudo sabe, tudo vê”, não sei…
mas que já perdemos o anonimato (e talvez a tranquilidade) faz tempo, ah isso perdemos.

Take care, baby!

Onde estou?

Você está navegando em publicações marcadas com Google em Retalhos.

%d blogueiros gostam disto: