enjoy Christian Dior em Versailles

maio 4, 2012 § Deixe um comentário

Enjoy a coleção Christian Dior no filme “Secret Garden“, feito no Domaine de Versailles (França), e  se imagine uma Marie Antoinette andando na Galerie des Glaces e pelos jardins. O lugar é perfeito para deixar o filme incrível, claro…. Olha essas cenas lindas! Mas eu a-m-e-i a escolha da trilha sonora “Enjoy the silence“, do Depeche Mode. Tá em sintonia com os modelos e com o lugar.

Agora não consigo parar de ouvir a música…. Todo mundo da minha geração tem uma história com essa canção, acho.

Enjoy a energia. E, sobretudo, sonhe com este cenárioPorque a moda te permite. né.

.

Ah, e se quiser, aqui você pode ver ‘euzinha’ sendo Marie Antoinette nos palácios e jardins de Versailles, num sábado do outono de 2011. :)

Je vous embrasse toujours très fort,

Dani.

Via

street-style é luxo

abril 13, 2012 § Deixe um comentário

Estou folheando a Elle e, de repente, vejo a campanha que o casal Caroline Blomst (linda!) e Daniel Troyse, do Stockholm streetstyle, fotografou para a segunda marca da Patrícia Bonaldi – a PatBO.

Não sei se achei o resultado final da campanha bom – esse street-style posado -, sabe? Mas o conceito, gente, e a estratégia da estilista foram ótimos: se cercar completamente de blogueiros de moda de renome para fazer junto a coleção: além dos suecos, as brasileiras Camila Coutinho, do Garotas Estúpidas, Lalá Noleto e Thássia Naves.
Gente (formadora de opinião) que dialoga há anos com leitoras reais, que sabe o que as mulheres que gostam de moda (e investem nisso) querem.

Por isso a Patrícia os contratou para trabalharem com ela e serem as modelos da campanha. Além disso, elas estão na criação da última coleção, chamada “luxo global“. Elas disseram: as mulheres querem brilhar! As peças têm muito canutilho e glamour.

O site está bonito, saber mais das blogueiras e ver as fotos gera interesse, sim. Baita sucesso.

Outros bons exemplos de que profissionalismo na blogagem e na pesquisa funcionam.

Preciso ir além.
Vamos agilizar esta tese! :P

je vous embrasse très fort.
dani.

blogueiras: íntimo e pessoal

março 13, 2012 § 2 Comentários

As marcas têm esse tanto de inspiração, de aspiração, e de projeção nas modelos e celebridades que contratam, né.
Porque claro, nós, humildes seres humanos, tomaríamos (e tomamos) aquelas referências estéticas para nós.

Não estou falando de Monange que mostra a Xuxa ou a estrela da novela das nove, mas dessas campanhas publicitárias de marcas importantes (Tiffany, Net-à-Porter, Corello, Massimo Dutti, Coach Rag & Bone), que convidam uma outra categoria de celebridade, não menos popular. Até pouco tempo atrás, elas eram as formadoras de opinião bem próximas da realidade das leitoras, tinham a mesma rotina e até um guarda-roupa parecido de todas nós.

Me refiro àquelas que fi-ca-ram famosas. São lindas e bem-vestidas (algumas delas ex-modelos), que se tornam modelos de publicidade porque seduzem o público feminino, não pela proximidade com o público, mas: pelo sucesso profissional (como fotógrafas e blogueiras), por serem ícones de estilo, e pelas estratégias dessas campanhas.

Os filmes são bonitos, confessionais, pessoais. Mostram um pouco da intimidade destas “personagens-protagonistas-de-sonho”, ou suas rotinas e seu estilo.
Afinal, qual menina não gostaria de se tornar blogueira de sucesso? Ou, quem não gostaria de ter “roupas de marcas”, ser convidada pra eventos de moda e beleza, parecer com cabelo impecável e tãrãrã?

Olha este filme novinho e lindo com a norueguesa Hanneli (Massimo Dutti),que conheci em Paris:

.
.
.
Garance Doré, Gala Gonzalez, Tavi, Mariah Bernardes, Camila Coutinho, Tatiana Pilão (e outras!) são exemplos de outras blogueiras-modelo.
Isso tem tudo a ver com o que eu venho estudando e com o que Scott Schumman mostrou no The Sartorialist, o fenômeno das blogueiras belas. E é também o que o NYT discutiu há um mês na matéria “<em>‘It’ Girls Work Both Sides of the Camera”.

Embora oficialmente sejam apenas as street-photographers, e o lugar delas continue atrás das câmeras, essas garotas são as figuras marcantes, hoje, no circuito da moda e, junto com seus blogs e seus olhares têm nos feito não só, pensar sobre estilo de rua no “FEMININO”, como querer mais do nosso espelho.

EU QUERO!
Et toi?

Je vous embrasse,
Dani.

.
.
.
Fonte foto: NYT

retalhos da semana

fevereiro 1, 2012 § 2 Comentários

1. Já começou outra maratona de “fashion weeks” pelo mundo (Rio, São Paulo, Paris, Londres…) e eu nem consegui editar todas minhas fotos da última em Paris para mostrar para vocês. Mas quem quer ter uma ideia de como são – de verdade – os bastidores de uma semana de moda no Hemisfério Norte, tem que ver este vídeo do Easy Fashion. Está bonito, verdadeiro – e até anedótico. Oh!

.
.
2. Janeiro foi o mês da minha “rentrée” no Brasil, do retorno e dos (re)encontros com todos que amo.
Deixei Paris para trás e não estou mais lá. Assim como fevereiro já é (como o tempo nos atropela!), também é certo que voltarei a Paris para passear.
Mas agora tenho um resto de férias (e o verão) para concluir parte importante da minha tese. Tem horas que o cansaço é tão grande quanto o calor morno de Porto Alegre.

3. Além de eu ter que cozinhar pra mim todos os dias, cozinhar para mim é uma forma de relaxar. E acho que a vida não tem graça sem tempero Né?! Gosto muito de usar a noz-moscada (mas não pode usar muito, porque é forte e sobressai ao sabor dos demais alimentos). Quem prova da minha comidinha parece que gosta… Já experimentou? [Ah, pimenta não pode faltar e salsinha também é um temperos que eu curto muito].

4. Eu descobri agora que as saias que eu via em Paris e que mostrei no post de final de ano tem um nome: se chamam “saias MULLETS” (como os cabellos, sabe, mais compridos atrás e com franjinha). Achei engraçadinho o nome, mas continuo achando elas estranhas. Muito estranhas…

5. Bom, eu já mostrei algumas vitrines de Paris neste post, mas eu vi tan-to, que não conseguia fotografar. Eu vi tan-to, que fiquei muda por aqui. Dezembro é um mês especial para o consumo. Em Paris, então! Nao preciso nem comentar muito, mas preciso mostrar algumas imagens das vitrines (incríveis e super-produzidas) das galerias (Printemps, Lafayettes…). Uma aula de moda em vários estilos. Chanel. Amém. [mais fotos aqui no FLICKR – Vale!!!]

http://www.flickr.com/photos/hinerasky/6798442303/in/photostream

Espero que gostem de ver, tanto quanto eu me encantei. São imagens que levam tempo pra processar.
Prometo que uma hora o post com meus achados e meus preferidos de Paris vai sair. No primeiro semestre ainda sai. :)

Um verão lindo!
je vous embrasse fort.

dani @hinerasky

I know you want me

outubro 20, 2011 § 2 Comentários

Passei estes dias na frente da Lanvin (no comecinho da rue Faubourg Saint-Honoré), antes de chegar na Fundação Ricard, onde teria um Seminário, e me chamou atençao o vídeo que passava, por causa das dancinhas e, também pela modelo brasileira.

Fotografei e cheguei em casa e fui atrás da campanha. Descobri este hit “pegajoso”, mas que pode desestressar a gente em vários momentos. A letra também é divertida é sugestiva e divertida.

A coleção? Lindos os looks, as cores e também os chapéus.
Ponto para a Lanvin. Dale!

Oh o video:

.
.
.
…e aqui a música inteira:

O refrão, bem diver:

Dale, one-two-three-four
Uno-do’-tres-cuatro
I know you want me (want me)
you know I want cha (want cha)
I know you want me
you know I want cha (want cha)
I know you want me (want me)
you know I want cha (want cha)
I know you want me
You know I want cha (want cha)

(Hahaha)
one-two-three-four
Uno-do’-tres-cuatro

Rumba (Si) Ella quiere su Rumba (Como?)
Rumba (Si) Ella quiere si Rumba (Como?)

Si e’ verdad que tu ere guapa,
Yo te voy a poner gozar
Tu tiene la boca grande
dale ponte a jugar (Como)

one-two-three-four
Uno-do’-tres-cuatro (Woooo-ooo!)

.
.
Je vous embrasse, Dani.

Chanel Améliepoulain-nizando

agosto 30, 2011 § 2 Comentários

Folheando a ElleUK September 2011, cheguei nesse anúncio da Chanel e pensei: isso é arte “Amélie Poulain”.
Ponto de exclamação!

A photocabine é o cenário para mostrar a nova Amélie. e, claro, a estética verde-vermelho-bordô (referências, a mim, claras do filme de 2001) que são a cara e as cores das próximas estações dos hemisférios norte e sul.
Porque o verde apareceu [tão lindo, gurias!!!] também nos publieditoriais e vitrines da Gucci, Dior, Diane von Furstenburg (foto abaixo, tirada dia 13 de junho), Stella McCartney, Mulberry … e já vem das ruas do verão daqui (color-blocking).

E… bem, 10 ANOS DEPOIS… QUEM É A MULHER DE UM FABULOSO DESTINO?

Talvez, hoje, sejam muitos os figurinos das muitas mulheres, mas a Chanel dá várias pistas, por meio dessa publicidade e à possível referência à personagem, de que vale MUITO, em primeiro lugar, manter a atitude de elegância com as pessoas. A personagem, latente em muitas de nós, porque generosa, eternizou um estilo que está bem “tendencinha” por agora: mesclar peças masculinas e com ar retrô ao guarda-roupa, sem perder a feminilidade.

Mas é claro que a nova Amélie é mais ousada e “fresca” (leve, sabe?!), como no anúncio: de cabelos deliciosamente sem pentear, uma calça justa (fusô preta ou skinny), casaqueto curtinho de tweed e ca-mé-lia.
Isso confirma que o visual vintage continua gracioso, mas o cool é ser jovem, é ser rocker – é isso, né? E é aí que as mulheres se atualizam hoje em dia: do esmalte, às botas, ao corte de cabelo…

E como fica bonito e atual! Eu diria que é uma rocker-femme a Amélie 2011.

Mas tudo isso são o meu imaginário e as minhas “sacações”, né. :D
A gente poderia simplesmente lembrar do mestre Van Gogh, que disse uma vez: “Je peindrai en rouge et vert les passions humaines” [EU PINTAREI EM VERMELHO E VERDE AS PAIXÕES HUMANAS] – ainda que azul, amarelo e verde sejam marcantes nas obras dele. Ou poderíamos dizer, como “applemaníacos“, que as cores da estação fazem referência à imagem do desktop Apple ladybug.

Mas sou mais CAMÉLIE. É. Porque essa camélia verde…ah… [suspiros]
Cara de Chanel. Cara de Amélie.

beijones. <3

[outro post que fiz sobre o filme, em outra ocasião: “Amélie de muitos destinos e figurinos”]

o futuro das compras

maio 10, 2011 § 1 comentário

daí eu tava olhando uns vídeos favoritados, e encontrei o “The Future of Shopping”, de 2009. Oh:

Será que fazer compras vai ser assim mesmo, gente?
Não me canso de achar isso incrível.

Quando as lojas físicas adotarem essas tecnologias, em especial para quem nao gosta de perder tempo nem provar as peças… vai ser ótimo. E os lojistas, apesar dos custos, vão ter menos peças danificadas (sujas, estragadas e panz).
Ainda acho toda essa coisa de digital TÃO tão distante; tipo quando eu era pequena e sonhava em fazer o supermercado por um display, pela geladeira. E eu gosto mesmo é de experimentar de verdade, para ver se a roupa me caiu bem. porque né?!

Anyway, pode estar bombando até o final da década. Eu aposto.
beijos.

Onde estou?

Você está navegando em publicações marcadas com publicidade em Retalhos.